PARANÁ

Maringá vai digitalizar sistema de estacionamento rotativo

O assinou contrato com a empresa vencedora no começo do mês. De acordo com o edital, a empresa tem 60 dias para implantar o sistema.
A Prefeitura de Maringá confirmou nesta quinta-feira, 16, que vai implantar em ‘breve’ o novo sistema de Estacionamento Rotativo (EstaR). O contrato com a empresa vencedora da licitação foi assinado em 2 de março. O novo sistema será digital e contará com um aplicativo para que os motoristas possam cadastrar os veículos e carregar os créditos, sem a necessidade de ir até uma cabine ou deixar o ticket no veículo.

A empresa vencedora, que tem 60 dias para implantar o sistema, será responsável pelo treinamento, suporte, montagem, manutenção e gestão da rede de vendas dos créditos eletrônicos, entre outros serviços definidos no edital. “Vai facilitar muito para o usuário, que terá mais formas de pagamento. Ele também não vai precisar colocar ticket no veículo depois que estacionar, já que o sistema registra tudo”, afirma o secretário de Mobilidade Urbana, Gilberto Purpur.

Atualmente, o EstaR opera com cartão de papel e pagamento apenas em dinheiro. O motorista precisa comprar os cartões com agentes ou nos guichês espalhados em diferentes pontos da cidade. A empresa vencedora da licitação implantará sistema informatizado de gestão, controle, comercialização e fiscalização de estacionamento rotativo pago em diferentes regiões da cidade.

O usuário poderá baixar aplicativo e cadastrar os veículos, registrando as placas. O motorista poderá fazer o pagamento do estacionamento rotativo e das notificações por meio de cartão de crédito, débito, PIX, dinheiro ou pelo telefone celular com o aplicativo. Para quem não tem celular, também haverá totens de autoatendimento em diversos pontos da cidade.