DESTAQUES DO DIA

Educação a Distância da UEM recebe nota de excelência do MEC

A Educação a Distância (EaD) da Universidade Estadual de Maringá (UEM) conquistou o seu recredenciamento por até cinco anos, por meio de avaliação do Ministério da Educação (MEC) e do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep). Ela recebeu o conceito 4 no Índice Geral de Cursos (IGC),  patamar considerado de excelência (nota máxima é 5), permanecendo nessa posição desde a primeira avaliação recebida.

“Estamos muito orgulhosos em manter esse resultado positivo, mesmo diante de tantas dificuldades enfrentadas pelas Instituições de Ensino Superior nos últimos anos. Isso é decorrência do comprometimento e empenho de todos que fazem parte do dia a dia da EaD da UEM”, afirma o diretor do Núcleo de Educação a Distância (Nead) da UEM e coordenador geral da Universidade Aberta do Brasil (UAB) da UEM, José Ricardo Penteado Falco.

Durante o processo de avaliação para o recredenciamento, que ocorreu no período de 22 a 24 de março, avaliadores do MEC/Inep participaram de uma visita virtual na UEM. A comissão avaliou 50 indicadores, divididos em cinco eixos principais: planejamento e avaliação institucional; desenvolvimento institucional; políticas acadêmicas; políticas de gestão e infraestrutura.

Em vários indicadores, a Ead da UEM obteve nota máxima 5, com destaque para a capacitação de professores e corpo técnico-administrativo, política de atendimento aos alunos e comunicação com a comunidade interna e externa.

Para fazer a avaliação, a comissão também analisou documentos, fotos, vídeos, fez entrevistas com alunos, professores, tutores, corpo técnico-administrativo e gestores institucionais, e ainda realizou visitas virtuais às instalações do Nead da UEM e ao Polo de Apoio Presencial de Goioerê, no noroeste do estado.

O processo anterior de recredenciamento havia ocorrido em 2014, quando o MEC publicou a Portaria nº 631, de 22/07/2014, que recredenciou a UEM pelo prazo de cinco anos, para oferta de cursos superiores na modalidade de educação a distância.

Devido à pandemia de Covid-19 a avaliação não foi realizada no período previsto, e ocorreu recentemente, de forma remota.

Atualmente, a UEM oferece seis cursos de Graduação e um de Pós-graduação (Lato Sensu) na modalidade a distância, em 27 polos de apoio presencial, por meio do Sistema UAB, programa do Governo Federal, que apoia Instituições de Ensino Superior públicas na oferta de cursos a distância, e três cursos de Pós-Graduação (Lato Sensu) em parceria com departamentos e órgãos.