DESTAQUES DO DIA PARANÁ

Conservação de rodovia entre Campo Mourão e Peabiru beneficia 100 mil moradores

O Governo do Estado, por meio do Departamento de Estradas de Rodagem do Paraná (DER/PR), executou serviços de manutenção na rodovia PRC-158, do perímetro urbano de Peabiru até metade do anel viário de Campo Mourão, na região Centro-Oeste. O trecho tem extensão de 22,46 quilômetros, incluindo pistas simples e duplas. Mais de 100 mil habitantes são beneficiados, além do tráfego de longa distância.

A rodovia é um importante corredor logístico para transporte de cargas pesadas, além de integrar a principal ligação entre as regiões Norte e Noroeste com o Oeste e Sudoeste do Estado.

“A manutenção do trecho vai beneficiar os habitantes dos dois municípios, mas também os usuários que viajam das regiões de Londrina e Maringá para Cascavel e Foz do Iguaçu. Com o fim dos pedágios, o governo estadual assumiu a responsabilidade e vamos manter o Anel de Integração seguro”, afirma o secretário de Infraestrutura e Logística do Paraná, Fernando Furiatti.

Foram executados no trecho remendos superficiais, operação tapa-buracos, roçada manual, limpeza de sarjeta e de saída d’água e manutenção de placas de sinalização. Outras melhorias ainda estão previstas para a rodovia nos próximos meses.

Os serviços fazem parte do lote 4 do programa Integra Paraná, que conta investimento de R$ 20 milhões para manutenção e conservação das rodovias estaduais entre as regiões Norte, Noroeste e Centro-Oeste

O diretor-geral do DER/PR, Alexandre Castro Fernandes, detalha os outros trechos que foram executados recentemente. “No lote 4 já atendemos a PR-317, entre Peabiru e Maringá, a PR-897 no Contorno de Marialva, e a PR-444, entre Mandaguari e o Rio dos Dourados. Somente neste edital, são mais de 200 quilômetros de serviços garantidos, com obras constantes do DER do Paraná”, afirma.

INTEGRA PARANÁ – O programa foi criado pelo governo estadual, por meio do DER/PR, para atender as rodovias estaduais do antigo Anel de Integração após o fim das concessões, enquanto o novo programa de pedágios está em elaboração em conjunto com o governo federal.

Ao todo, o investimento no Integra Paraná é R$ 93,49 milhões e contempla 964,52 quilômetros em todo o Estado, com contratos garantidos, pelo menos, até o fim de 2023.