DESTAQUES DO DIA

Aos 11, menina que teve aborto negado engravida novamente após estupro

Aos 11 anos, uma menina moradora da zona rural de Teresina (PI), está grávida pela segunda vez após ser vítima de outro estupro. A criança deu à luz ao primeiro filho há cerca de um ano depois de ter o direito ao aborto negado.

Um exame realizado nessa sexta-feira, 9, no Serviço de Atendimento às Mulheres Vítimas de Violência, da Maternidade Dona Evangelina Rosa, comprovou que a garota está com três meses de gravidez.

O primeiro estupro aconteceu em janeiro de 2021, quando ela tinha 10, por um primo de 25 anos. O crime aconteceu em um matagal. A mãe da criança, uma mulher de 29 anos, informou que à época o médico apontou riscos de morte no procedimento de interrupção da gravidez e, por isso, ela seguiu com a gestação.